• TVT
  • RBA
  • Rádio CUT
MENU

Pedalada leva o debate da violência contra a mulher para Toledo

Atividade da CUT Paraná reuniu 200 pessoas neste final de semana

Publicado: 12 Dezembro, 2017 - 11h05

Escrito por: CUT Paraná

notice

A Pedalada pelo Fim da Violência Contra as Mulheres, realizada pela CUT, chegou a Toledo. Na região Oestes do Paraná o evento mobilizou 200 pessoas neste domingo (10). Contudo, segundo uma das organizadoras do evento, a professora Marilene Galdino Camillo, do Fórum Sindical de Toledo – que reúne nove entidades na cidade – a mobilização em torno do tema é o principal saldo da pedalada.

“Todo o processo de divulgação, conversas, entrevistas, geraram um burburinho muito legal na cidade. A intenção na realidade era essa. Chamar a atenção para a questão da violência contra as mulheres”, afirmou Marilene.

A concentração teve início às 8h no Lago Municipal de onde a caminhada seguiu pelo centro da cidade, passando pelas vias mais movimentadas de Toledo, até retornar ao local de origem. “Durante todo o trajeto, com caminhão de som, passamos estatísticas e informações relacionadas à violência contra as mulheres. As meninas Tayná e Rachel, que foram mortas e seus assassinos seguem impunes, também foram lembradas”, recorda Marilene.

A pedalada em Toledo também contou com sorteios de brindes e vendas da camiseta temática da atividade. “A pedalada começou a 5 anos atrás inicialmente em Curitiba e depois se alastrou para as regionais da CUT em cidades como Maringá, Guarapuava, Toledo dentre outras, como um forma lúdica de abordar esse assunto que atinge um índice alarmante de mulheres e crianças”, completou o secretário geral da CUT Paraná, Marcio Kieller, que participou da atividade.

carregando