• TVT
  • RBA
  • Rádio CUT
MENU

Sindicatos protocolam contraproposta para fechar o ACT com a Sanepar

Veja os principais pontos abordados pelas entidades

Publicado: 22 Março, 2018 - 09h28

Escrito por: Armando Duarte Jr

 

Os Sindicatos majoritários que representam os trabalhadores e trabalhadoras da Sanepar (Companhia de Saneamento do Paraná) protocolaram ontem (19/03) uma contraproposta junto à Comissão de Negociação da empresa com vistas a celebrar o ACT (Acordo Coletivo de Trabalho) 2018/2019.

Assinado pelos presidentes do SINDAEL, SAEMAC, SINDAEN e STAEMCP, o documento propõe avanços em relação a três cláusulas do ACT atual, como forma de contemplar a recomposição dos salários e melhorias nos benefícios.

 

Veja quais são os principais pontos da contraproposta:

 

Cláusula 05 – recomposição salarial: o exemplo do que a Sanepar fez no ano passado com as tarifas de água e esgoto, os Sindicatos requerem um percentual de 2,89% a mais na remuneração dos trabalhadores e trabalhadoras. Lutamos também para que o piso de ingresso seja equivalente a 2,5 salários, pois a melhor empresa da área do saneamento não pode pagar menos do que as outras.

Cláusula 07 – Abono: queremos que o abono indenizatório oferecido pela empresa, de R$ 3.500,00 não seja descontado do valor a ser pago em dezembro, fazendo com que o mesmo possa contribuir, efetivamente, para o custeio das despesas do final de ano dos trabalhadores e trabalhadoras.

Cláusula 23 – Gratificação de Férias: reivindicamos que passe de 0,5% para 1%.

Cláusula 25 - Auxílio-alimentação: aumento do valor pago mensalmente, incluindo o Adicional de Maresia e a Gratificação Natalina, para que seja adequado ao aumento do custo de vida.

Cláusula 36 – PCCR: estamos reivindicando a concessão de mais três steps a todo o quadro de trabalhadores da Sanepar, como forma de contemplar a valorização profissional.

Segundo Alexandre Schmerega Filho, presidente do SINDAEL(Sindicato dos Trabalhadores nas Empresas de Água e Esgoto de Londrina), todos os pontos da contraproposta são plenamente possíveis de serem atendidos pela Sanepar, principalmente se for levando em conta o desempenho verificado nos últimos anos, bem como a significativa redução das despesas com a folha de pessoal.

“Queremos que o reconhecimento do valor e papel dos trabalhadores e trabalhadoras seja reconhecido de fato e não apenas em discursos da diretoria ou nos materiais publicitários“, ressalta o presidente do SINDAEL.

carregando